CINEMA NOVO

Filme de Abertura /
Longa-metragem

documentário

CINEMA NOVO

VOLTAR
EXIBIÇÕES
20/9 . terça-feira
20h30, Cine Brasília,
para convidados
REPRISE
22/9 . quinta-feira
21h, Cine Cultura Liberty Mall,
entrada franca
DEBATE

21/9 . quarta-feira 
10h, Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, 
acesso livre

Direção Eryk Rocha
documentário, 90min, 2016, RJ
classificação indicativa Livre

SINOPSE

Cinema Novo é um ensaio poético que investiga um dos principais movimentos cinematográficos latino-americanos, através do pensamento e fragmentos de filmes dos seus principais autores. O filme mergulha na aventura da criação de uma geração de cineastas que inventou, logo no início da década de 1960, uma nova forma de fazer cinema no Brasil - a partir de uma atitude política que juntava arte e revolução - e que tinha como desejo um cinema que tomasse as ruas e fosse ao encontro do povo brasileiro.

DIREÇÃO

ERYK ROCHA
cineasta, 38 anos, filho dos realizadores Glauber Rocha e Paula Gaitán, tem criado uma premiada trajetória como documentarista, iniciada já no primeiro longa, Rocha que voa (2002), com arquivos de entrevistas de seu pai, premiado como melhor Longa do Cinesul, do Rio, e do festival É Tudo Verdade, de São Paulo. Desde então, seguiram-se Quimera (2014); Medula (2015); Intervalo Clandestino (2006); Pachamama (2008); a ficção Transeunte (2010, prêmio de público do 6º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo, em 2011); Jards (2012); Campo de Jogo (2014) e A Aula Vazia (2015). Cinema Novo (2016) foi premiado com o Olho de Ouro no Festival de Cannes.

CRÉDITOS

Produção Diogo Dahl
Montagem Renato Vallone
Desenho sonoro Edson Secco
Coordenação de produção Joelma Oliveira Gonzaga e Flávia Vianna
Pesquisa Thiago Brito e Adriana Peixoto
Argumento Eryk Rocha e Juan Posada
Produção Coqueirão Pictures e Aruac Filmes em coprodução com Canal Brasil e FM Produções
Distribuição Vitrine Filmes

Tag3 - Desenvolvimento Digital