IMPROVÁVEL ENCONTRO

Filme de Abertura /
Curta-metragem

documentário

IMPROVÁVEL ENCONTRO

VOLTAR
EXIBIÇÕES
20/9 . terça-feira
20h30, Cine Brasília,
para convidados
REPRISE
22/9 . quinta-feira
21h, Cine Cultura Liberty Mall,
entrada franca
DEBATE

21/9 . quarta-feira 
10h, Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu,
acesso livre

Direção Lauro Escorel 
documentário, 24min, 2016, SP
classificação indicativa Livre 

Entrevistados 
Cristiano Mascaro, Flávio Damm, Helouise Costa, Jose Rubens Fernandes, Luiz Carlos Barreto e Rosely Nakagawa 




SINOPSE

Improvável Encontro foi totalmente realizado sobre fotografias de José Medeiros e Thomaz Farkas. Narra suas trajetórias, seu encontro, o desenrolar da sua amizade e as influências recíprocas. Através de diálogo entre suas imagens, o documentário nos mostra a contribuição que os jovens José Medeiros e Thomaz Farkas deram para a consolidação da moderna fotografia brasileira, inaugurada nas décadas de 1940/50. As fotografias de Medeiros e Farkas contribuíram de forma significativa para o estabelecimento de uma nova representação visual do país. O filme mostra como a ideia de mostrar o Brasil aos brasileiros já se encontrava presente na obra fotográfica dos futuros cineastas. 

DIREÇÃO

LAURO ESCOREL
é um dos mais conceituados diretores de fotografia brasileiros. Como cineasta, dirigiu o longa Sonho sem Fim (1985), Prêmio especial do Júri de Gramado, além de curtas e documentários como Libertários (1977), Prêmio Margarida de Prata da CNBB. Como diretor de fotografia trabalhou com alguns dos mais importantes diretores do cinema brasileiro, tais como Leon Hirszman, Hector Babenco, Carlos Diegues, Fernando Meirelles, Miguel Faria, Hugo Carvana, Arnaldo Jabor, Suzana Amaral e outros. Participou como consultor técnico dos projetos de restauro desenvolvidos pela Cinemateca Brasileira e foi um dos curadores do projeto de restauro da obra integral de Leon Hirszman. É membro da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood (Ampas) e foi um dos fundadores da Associação Brasileira de Cinematografia (ABC), tendo exercido a sua presidência por dois períodos. 


CRÉDITOS

Produção executiva Lauro Escorel
Roteiro Lauro Escorel 
Fotografia Carlos Ebert, Jacques Cheuiche e Lula Cerri
Montagem Idê Lacreta 
Som Antônio (Popó) Gouveia, Heron Alencar e Miriam Biderman 
Animação Gui Spech
Trilha sonora Adriano Campos 
Produtora Cinefilmes Ltda

Tag3 - Desenvolvimento Digital